madeira news

Apr 1, 2021 - 2 minute read

SEF avança com serviço bilingue para agilizar processo de controlo nas fronteiras

O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) lançou hoje um serviço bilingue para cidadãos provenientes de 14 países para agilizar o processo de controlo nas fronteiras e a disponibilização da informação necessária para o cumprimento de quarentena. Em causa estão todos os cidadãos que cheguem a Portugal a partir de Reino Unido, Brasil, África do Sul, Bulgária, República Checa, Chipre, Eslovénia, Estónia, França, Hungria, Itália, Malta, Polónia e Suécia, países aos quais é atualmente imposta a obrigatoriedade de isolamento profilático de 14 dias à chegada a território nacional, seja esta por via aérea, terrestre ou marítima.

Apr 1, 2021 - 1 minute read

Novo Banco: Não foi discutida recapitalização pública do BES com BdP, diz Maria Luís Albuquerque

A ex-ministra das Finanças Maria Luís Albuquerque disse hoje no parlamento que não foi discutida entre o Governo e o Banco de Portugal a possibilidade de recapitalização pública do BES com recurso à linha da ‘troika’. “Não foi”, respondeu à deputada do BE Mariana Mortágua na primeira pergunta durante a sua audição Comissão Eventual de Inquérito Parlamentar às perdas registadas pelo Novo Banco e imputadas ao Fundo de Resolução, quando questionada “em que moldes é que a possibilidade de recapitalização pública foi discutida” entre as partes.

Apr 1, 2021 - 2 minute read

Covid-19: França espera pico de infeções dentro de sete a dez dias

O ministro da Saúde de França estima que o pico de infeções nesta terceira vaga de covid-19 no país seja alcançado em sete a dez dias e que o número de pacientes nos cuidados intensivos continue a crescer até ao final de abril. Numa entrevista hoje à rádio France Inter, Olivier Véran explicou que “leva entre sete e dez dias para que as medidas sejam eficazes, para que a eficácia destas possa ser avaliada".

Apr 1, 2021 - 3 minute read

Covid-19: OMS diz que são necessárias novas restrições para combater pandemia

A Organização Mundial da Saúde (OMS) descreveu hoje como “necessárias” novas restrições na Europa devido ao crescente número de casos do SARS-CoV-2, ao avanço da variante britânica e ao aumento da mobilidade pela semana da Páscoa. “A situação na região é agora mais preocupante do que vimos em vários meses”, disse a diretora regional da OMS para Emergências na Europa, Dorit Nitzan. “Muitos países estão a introduzir novas medidas (de combate à pandemia) que são necessárias e todos devem segui-las tanto quanto possível”, acrescentou Nitzan.

Apr 1, 2021 - 3 minute read

Covid-19: “Não vai haver dificuldades para contratar enfermeiros para vacinação”, diz bastonária

A bastonária da Ordem dos Enfermeiros assegurou hoje que “não vai haver dificuldades para contratar enfermeiros para a vacinação” contra a covid-19, perante a manifestação de disponibilidade de pelo menos 9.366 profissionais para o processo de vacinação massiva. “Encerrámos o inquérito às 11:00 e há enfermeiros que continuam a enviar emails a dizer que já não conseguem responder ao inquérito. Foram só cinco dias e decidimos que vamos criar um outro ‘link’ para continuarem a dar as suas disponibilidades.

Apr 1, 2021 - 3 minute read

Covid-19: Holanda admite realizar Festival Eurovisão com 3.500 espetadores

O Governo da Holanda afirma que o festival Eurovisão 2021, que se realiza em Roterdão, pode contar com a presença máxima de 3.500 espetadores que devem apresentar um teste de PCR negativo antes de entrar na sala do evento. A intenção do executivo holandês é organizar o espetáculo da Eurovisão no âmbito das investigações “Fieldlab Events” que já estão a ser desenvolvidas em jogos de futebol e concertos. As investigações científicas consistem em experiências práticas que pretendem investigar a forma de organização de eventos de grande audiência de forma segura perante a pandemia de SARS CoV-2, noticiou a estação de televisão holandesa NOS.

Apr 1, 2021 - 3 minute read

“Deus confia-nos, a nós sacerdotes, a missão de O tornar presente”, diz D. Nuno Brás aos sacerdotes na Missa Crismal

O bispo do Funchal preside esta manhã, na Sé, à Missa Crismal classificando-a como “a derradeira celebração da Quaresma”, salientando “que tudo ficará preparado para vivermos com densidade interior a celebração do tríduo pascal de Cristo morto, sepultado e ressuscitado”. Recordando ainda que “a instituição do sacerdócio ministerial está intimamente ligada à instituição da Eucaristia”.  Elucidando, que esta é a “possibilidade de manifestar, diante de todos, o nosso empenho, a nossa vontade em permanecermos fiéis à missão que o Senhor nos confiou, e a que também nós nos consagrámos — certos da assistência da Sua misericórdia, entregando tudo o que somos e temos, para que a salvação de Cristo resplandeça hoje como presença eficaz no meio do mundo”.

Apr 1, 2021 - 1 minute read

Padre madeirense na Venezuela morre vítima de covid-19

José Nóbrega, padre madeirense na Venezuela, acabou por falecer ontem, aos 56 anos, vítima de Covid-19. O madeirense é natural do Caniço, emigrou com os pais para terras de Símon Bolívar aos 6 anos e dedicou uma vida ao sacerdócio. Tinha a seu cargo quatro instituições de educação nas comunidades de San Félix de Guayana e Sierra Imataca, num caminho missionário iniciado em 1991. Em novembro de 2019, o sacerdote teve o privilégio de regressar à sua terra Natal – Caniço – pela primeira vez desde a partida, onde aproveitou para descansar e estar com a família.

Apr 1, 2021 - 1 minute read

Governo dos Açores quer fiscais dos parquímetros da DataRede a vigiar confinamento

O Governo Regional dos Açores está a preparar um protocolo com a empresa DataRede, responsável pela gestão de vários parques de estacionamento pagos no País, para efetuar a vigilância do cumprimento das regras determinadas pela autoridade de saúde açoriana. O objetivo do Governo açoriano é que os fiscais dos parquímetros apliquem avisos de infração, penalizados com o pagamento de uma coima, para as pessoas que furarem as medidas de isolamento.

Apr 1, 2021 - 2 minute read

Covid-19: OMS critica lentidão inaceitável da vacinação na Europa

A Organização Mundial de Saúde (OMS) criticou hoje a lentidão “inaceitável” da vacinação contra a covid-19 na Europa, que enfrenta a “mais preocupante” situação epidémica em “meses”. “O ritmo lento da vacinação prolonga a pandemia”, lamentou o braço europeu da organização das Nações Unidas, sublinhando que o número de novos casos na Europa aumentou fortemente nas últimas cinco semanas. “As vacinas são a nossa melhor saída para a pandemia. Não só funcionam, mas também são muito eficazes na limitação de infeções.